Judiciário investiga e manda prender Bacharel/ tabelião por falsificação de documentos públicos.

0
264

Bel. Cláudio José Araújo Santos "Causão" é preso.
Bel. Cláudio José Araújo Santos “Causão” é preso.

A delegacia de furtos e roubos, comandada pelo delegado Dr. Rodolfo Faro, atendendo a determinações de um mandado de busca e apreensão, assinado pela MM. Juíza da 2ª vara cível, foi até a residência da rua Raimundo Borges no bairro Centauro e prendeu e conduziu até a cadeia pública de  Eunápolis, o advogado e tabelião da cidade mineira de Salto da Divisa, Bel. Cláudio Jose Araújo Santos  45, sob a acusação de Falsificação de documentos públicos e falsidade ideológica.        

Segundo o delegado, as investigações foram feita pelo judiciário e começaram no mês de novembro,  pois de acordo com as informações oficiais, o Bel. Cláudio como advogado sabe que a sua jurisdição de tabelionato é em Salto da Divisa e municípios limítrofes, não podem realizar trabalhos de outro e em outro município, mas Bel. Cláudio abriu uma sucursal ou filiam do cartório de Salta da Divisa em Eunápolis e realizava trabalhos de registro de imóveis e de posse de uma máquina impressora com papel oficial dos correios, imprimia e autenticava com selos oficiais todos os documentos que elaborava em Eunápolis, tendo a cidade como base de seus trabalhos junto a corretores de imóveis da cidade,  a saber que, todos os documentos, selos oficiais, máquina registradora, copias de certidões, escritura, papeis oficiais produzidos pela casa da moeda,  computador com documentos que fundamentam as denuncias foram apreendidos em sua casa no bairro Centauro.

Nas fotografias há o registro fotográficos de carimbos, mas 3 deles de madeira, são os principais que eram usados para dar autenticidade a documentos inclusive da prefeitura de Salto da Divisa, muitos dos documentos assinalados com nomes, segundo o delegado, deverão ser chamados para prestar declarações, e poderão ser autuados por formação de quadrilha e, são praticamente todos conhecidos na cidade de Eunápolis. Ainda na casa do Bel. Cláudio, foram apreendidos além de carimbos e documentos, dois carros uma L200 placas JRR 3198 de Itabuna e um carro Astra placas HNG 8088 de Teófilo Otoni, estes carros também serão investigados para saber a procedência e a regularidade dos mesmos.

Segundo o delegado Dr. Rodolfo Faro, esta não é a primeira vez que o Bel. Cláudio é preso, e a sua primeira prisão foi feita em Eunápolis por policiais de Minas Gerais e pelo mesmo crime, isto indica que a sua situação agora é um pouco mais grave, por não se tratar mais de réu primário. Até mesmo os cartões de apresentação dando conta de ser Causão um tabelião traz o endereço de sua casa em Eunápólis.

Dr. Cláudio José Araújo Santos já foi candidato a vereador por Salto da Divisa e é mais conhecido pelo apelido de “Causão”, agora deverá responder por este crime, mas o judiciário já sabe de sua primeira prisão e por isto a sua situação deverá ficar mais complicada, de acordo com as declarações do delegado Dr. Rodolfo Faro autor do cumprimento de mandado de prisão, Causão se negou a dar qualquer depoimento ou esclarecimento usando o seu direito de silencio e deverá se pronunciar somente em juízo,  também se negou a sair da cela para ser fotografado, mas em se tratando de uma pessoa pública, não foi difícil para a reportagem do rota51, obter as fotografias do tabelião, que poderá inclusive desta vez perder o cartório por Falsificação de documentos públicos e falsidade ideológica. A prisão de  Causão foi em sua residência nesta 4ª feira 09/01 às 12hs sem nenhuma ato de resistência, a sua condução para a delegacia foi pacífica. Na galeria de fotos, fotos de Causão em sua candidatura a vereador de Salto da Divisa e em um churrasco com amigos.

[nggallery id=36]

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui