Ele aprontou todas, fugiu, apareceu, trocou tiros com a PEOT, foi preso e agora vai pro presídio.

0
190

Trocou tiros com a Peot e se lascou   (foto Pbarbosa)
Trocou tiros com a Peot e se lascou (foto Pbarbosa)

As investigações policiais da policia civil dão conta de que ele é pelo menos, apontado como autor de 2 homicídios e uma tentativa de homicídio. Bancou o esperto e fugiu, depois apareceu, mas a PEOT Pelotão de Emprego Operacional Tático, manjou a pinta do sujeito e na hora do baculejo, ele meteu a mão em uma PT 380 de numeração suprimida com 15 cartuchos e um celular, e mandou ver pra cima dos “praças” e, o resultado?, levou um tiro na perna e tentou dar um 2 x 0 na policia, mas as investigações mostraram o caminho  que ele tomou e foi preso e autuado em flagrante dentro do HLEM, Hospital Luiz Eduardo Magalhães em Porto Seguro.

Eduardo Lima da Silva, 18, mais conhecido como Dudu, em 22/11/2013, de acordo com as investigações, matou no bairro Minas Gerais, dentro de um bar,  o “Par Romântico” Carlito Cardoso Matias,  ainda dentro do bar Par Romântico, Dudu ainda feriu outra pessoa, portanto ele estava sendo procurado por este homicídio e uma tentativa de homicídio. O ferido, Alecssandro Sousa Santos 27 jogava sinuca mais o irmão na 1ª mesa, e recebeu os primeiros tiros, sendo 1 na virilha, 1 no braço e 1 de raspão na cabeça, ele foi levado imediatamente para o HRE e quando a reportagem do rota51.com chegou no HRE, ele estava na sala de raios X.

Segundo as investigações, Dudu, no dia 23/11/2013, bateu na janela da casa de Éverton da Cruz Silva, jovem conhecido com “Shrek” e quando ele abriu a janela, levou um tiro no olho, Shrek estava sentado na cama lendo a Bíblia com sua mãe, praticamente morreu nos braços da mãe, jovem foi assassinado na rua Marcílio Dias bairro Pequi.

Depois de fugir, Dudu retornou a Eunápolis, e estava dentro de casa, saía e retornava, mas na ultima saída, ele deu de cara com a PEOT, danou-se…

Dudu meteu a mão na PT que trazia consigo e arrastou um tiro na PEOT, no retorno tomou um “petardo” na perna e mesmo assim, dispensou a PT e conseguiu fugir. O mais engraçado é que Dudu, conseguiu não se sabe como, uma carona e foi para Porto Seguro para ser atendido no HLEM, dizendo que os ortopedistas de Eunápolis não eram bons e por isto tinha ido para a cidade vizinha atrás de atendimento. Mais uma vez as investigações levaram a policia a estar no encalço do meliante e lá em Porto Seguro ele foi preso e autuado em flagrante por porte ilegal de armas dentro do Hospital, pelo fato da arma de Dudu estar com a numeração suprimida, ou seja, raspada, ele não tem direito a pagar fiança e responder pelo crime em liberdade, e agora, depois de preso, as investigações vão continuar para que ele possa responder pelos 3 crimes pendentes, este foi um trabalho conjunto da PEOT e a policia civil de Eunápolis na prisão e condução de um elemento que já em várias passagens pela policia, agora é da delegacia para o presídio. Embora para a reportagem do rota51.com ele tenha negado tudo, mas as investigações mostram o contrário, agora só resta saber quem é,  que diz a verdade, diante de tantos crimes?

Desta forma a policia civil mostra que muitas investigações que parecem terem sido esquecidas, de uma hora para outra  aparecem solucionadas e os meliantes presos, e este é um destes casos.

Se você sabe e tem alguma informação sobre homicídio ou roubos, você pode denunciar à polícia sem a necessidade de se identificar, ligue para 9090 8196 5833.

[nggallery id=94]

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui