PEOT conduz dois elementos com arma e droga e um deles cheio de manguaça.

0
242

Flávio e o menor , entrando na delegacia   (foto Pbarbosa)
Flávio e o menor , entrando na delegacia (foto Pbarbosa)

Embora não tenha passado a moto para o seu nome, ele jura que a moto é dele e que comprou e pagou, Flávio Santos Azevedo, cheio de manguaça, e ao soprar o bafômetro,  estava com 0,3 mg de álcool no sangue e pela referencia não poderia dirigir e estava pilotando.

O seu companheiro FSC 16, falou que foi chamado pelo Flávio para tomar umas pingas, Flávio disse que tem um bar, e que estava só de companhia, mas que a droga, 5 papelotes de maconha e o revolver são de Flávio.

Muito cheio da água benta, só que passarinho não bebe,  primeiro perguntou se cometeu alguma infração, depois disse que o revolver era para proteger a sua família, um revolver Taurus, canela seca, calibre 32 com 2 cartuchos picotados. A moto placa SJG 8981 vermelha, de  Eunápolis, também foi apreendida e esta na delegacia, o fato aconteceu na av. Antonio Carlos Magalhães, bairro Moises Reis, mas segundo a policia, houve antes uma denuncia de que estava havendo um tráfico de drogas no local e ao fazer a revista a droga foi achada e o revolver estava dentro de casa. Flávio vai ser enquadrado por posse de arma e a quantidade de maconha não vai ser o bastante para mantê-lo preso, se ele alegar que é para o uso sai mais depressa, o outro é menor e os dois vão acabar saindo ainda hoje um pouco mais tarde.

A VTR da PEOT  que atendeu a ocorrência foi a 0770.

[nggallery id=131]

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui