STTR faz reunião e fala da situação de acampados em fazenda da região.

1
260

Edinalva, Tico e Graça do STTR   (foto Pbarbosa)
Edinalva, Tico e Graça do STTR (foto Pbarbosa)

O Presidente do STTR, Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, Tico Lisboa, a tesoureira do STTR Maria das Graças Lima dos Santos e a diretora da Secretaria de Mulheres Edinalva Maria de Jesus,   se reuniram na manda desta 3ª feira, com acampados da antiga fazenda Monte Sinai mudou de nome e, é a  atual fazenda Platina, para discutir a situação de desespero que estão vivendo. Por causa dos “pistoleiros” que segundo Graça, estão n a fazenda para intimidar os acampados.

Nos finais de semana, quando geralmente as invasões são feitas chegam a 15 o numero de pistoleiros na referida fazenda e também na estrada, mas em dias normais como foi dito no sindicato, o numero de homens armados é de 8.

Por outro lado, Graça, disse aos presentes que Waguinho, disse a alguns acampados que a ordem dada aos homens armados é de que podem atirar até em Deus se ele entrar na fazenda.

Graça disse eles estão lá desde 2003, que já houve várias reintegrações de posse mas eles sempre voltam, por outro lado Graça nesta reunião citou o nome de Luiz da Cabrália também é dono da fazenda e que ele já colocou pistoleiros para espancar os acampados e que tem gente até hoje com sequelas do espancamento, outro nome citado foi o de Inácio, que ordenou aos homens do local que não atirassem, mas que era para espancar.

Graça citou um fato, em que tinha nos braços uma criança chamada Laurinha que quando começou a ouvir tiros, desesperou e começou a a gritar e que um dos pistoleiros disse que era para que ela retirasse a criança da dali senão atiraria na cabeça dela, Graça falou que a fazenda Graciosa pertence a Luiz da Cabrália e que aproximadamente 30 homens fizeram a invasão.

Já tico Lisboa, disse que está com todas as provas e, que ele irá denunciar os fatos ao Ministério Público e que se não houver resultados satisfatórios, que ele irá fazer uma denúncia á Ouvidoria Agrária Nacional em Brasília-DF.

Graça disse que o Governo já mandou homens que ficaram vários dias estudando a fazenda e vendo a real situação e que já foi feita a “discriminatória” e que só falta ao governo finalizar a situação, Graça ainda falou da lei 12.910/03 que dispões sobre a regularização das terras devolutas,  terras do Estado,  ou ocupadas por remanescentes dos Quilombos e depois que o governo finalizar a sua negociação, acabará todo conflito na região.

[nggallery id=182]

1 COMENTÁRIO

  1. Paulo os trinta homens ajudaram na reintegração de posse eram da fazenda graciosa que pertence a Luis de cabralia como os tratores que demoliram as casas dos trabalhadores pertence ao mesmo. a fazenda não platina e sim monte sinai

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui