Recanto dos Idosos e CAAC se encontram pela 1ª vez, foi uma festa só.

0
313

Secretária Ciça Guerriere fazendo a entrega da placa  (foto Antonio Varjão)
Secretária Ciça Guerriere fazendo a entrega da placa (foto Antonio Varjão)

Há muitos anos que psicólogos, assistentes sociais e outras pessoas cuidadosas de idosos da cidade, e que estão á frente do CAAC e Recando dos Idosos, vem fazendo um trabalho que além de competente ainda é uma referencia do trabalho realizado.

O CAAC que fica no Pequi, há muito busca uma excelência no cuidado com idosos que com o passar dos tempos, tinham uma tendência a ociosidade, mas que diante dos fatos, têm uma vida ativa e com muitas atividades pela frente.

Já o Recanto dos Idosos, é um lugar, onde pessoas também muito competentes, fazem a diferença, pois se no CAAC, os idosos fazem suas atividades e retornam para suas casas para o convívio familiar, já no Recanto dos Idosos, é diferente, as famílias colocam seus idosos por lá e quando muito vão de vez em quando visita-los, e com isto os afastam dos familiares.

Porém na tarde desta 2ª feira por volta das 14h30m, foi feito um encontro das duas entidades e seus respectivos hóspedes, pois temporários ou não, estres passam a maior parte do tempo  sendo cuidados por pessoas que acabam sendo também seus familiares.

Na oportunidade foi homenageada a D. Lélia Silva Santos, mãe da prefeita de Porto Seguro Cláudia Oliveira, a placa foi em reconhecimento de seus préstimos a sociedade eunapolitana, principalmente a APAE, onde sempre se faz presente no apoio a referida entidade. A placa foi entregue a D. Lélia pela 1ª Dama e Secretária de ação social Ciça Guerriere.

Na oportunidade, foi comemorado o aniversário de muitos deles, com um bolo tamanho 2 famílias, pois era muita gene aniversariando e outro tanto cantando parabéns pra você, sendo que os idosos do CAAC, além de tocar vários instrumentos de percussão cantam e dançam.

Por outro lado, o fotografo Antonio Varjão captou a sensibilidade das fotos em preto e banco, que são consideradas fotos artísticas e captou com sua sensibilidade, os movimentos e os profundos olhares de alegria de cada um, pois fotos coloridas são constantes, mas as fotos em preto e branco traduzem outra forma de ver as luzes dos olhares felizes de cada idoso.

[nggallery id=253]

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui