Policia Civil prende acusado de assassinato com mandado em aberto

1
257
Sirlon acusado de 2 assassinatos e um mandado de prisão em aberto  /  fotos Pbarbosa
Sirlon acusado de 2 assassinatos e um mandado de prisão em aberto / fotos Pbarbosa

Ele já tinha um mandado de prisão em aberto por assassinato, quando no dia 15/06/2013, segundo informações da policia civil ele havia mais outro comparsa matado  Givanildo Pereira dos Santos o Van-Van, no bairro Juca Rosa.

Mas mesmo foragido, segundo informações da policia e depois de muito tempo de investigações, ele mais outro comparsa, quando este chegou perguntou quem era Alisson Santos Cardoso, e logo depois Alisson que era cadeirante devido ao fato de ter sido ferido a tiros pela PEOT em um assalto a uma casa lotérica no Pequi, acabou sendo morto em um barzinho na rua Marcílio dias em 12 de maio de 2014 e por estes crimes, Agentes civis da 23ª CORPIN, foram até a roça do Povo e prenderam  Sirlon Risério da silva 20 e junto com Sirlon foi preso Derisvânio  Rodrigues da Silva 40.

De acordo com a perícia, Alisson foi morto com tiros de revolver calibre 38 o mesmo com o que Sirlon foi preso nesta manhã 08/08, já que pela morte de Van-Van, Sirlon já tem um mandado de prisão e o outro está a caminho.

Embora tenha negado veementemente a sua participação nos crimes, As investigações mostram o contrário, por ouro lado Sirlon, já velho conhecido da policia, no momento de sua prisão portava um revolver calibre 38 especial e refrigerado, pertencente a policia militar da Bahia com a numeração suprimida, que segundo Sirlon ele comprou a arma de uma pessoa de Itabuna que se dizia ser ex-policial,   mas o parceiro de Sirlon no momento em que ele foi preso, o Derisvânio, também tinha um revolver ¾, calibre 38, que ele comprou para ficar com ele na roça.

Muitos fugitivos  estão buscando se esconder na roça do povo pois, além das estradas vicinais existente para acesso do próprio núcleo rural, ainda permite uma fuga rápida para outras cidades como Cabrália, Porto Seguro, Belmonte dentre outras e por isto é difícil  a prisão destes elementos, mas como o elemento surpresa ajuda muito, a equipe já tendo uma localização de Sirlon ele acabou preso e agora além do mandado de prisão, vai pegar mais uma por porte ilegal de arma e como a arma está com a numeração suprimida, não cabe fiança e a cana vai ser legal. Com a dupla presa, além dos revolveres 38 municiados inclusive com balas especiais “holler point” um triturador de maconha e 2 celulares. A apresentação dos detidos, foi feita pela Delegado Coordenadora da 23ª CORPIN Dra. Valéria.

Relembre a morte de Alisson no Pequi acessando este link: http://rota51.com/n/?p=3133

 

[nggallery id=440]

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui