Prefeito Neto se encontra com representantes da Embasa, e agilizam o esgotamento sanitário.

0
254
Prefeito  Neto recebendo representantes da Embasa no hotel  /  fotos Pbarbosa
Prefeito Neto recebendo representantes da Embasa no hotel / fotos Pbarbosa

Este encontro já estava agendado par a manhã da 3ª feira 16/09, mas como foi feita a surpresa do aniversário do prefeito Neto,  os representantes da Embasa, Empresa Baiana de Saneamento, o encontro foi no próprio hotel, logo depois do café da manhã.

Neste encontro estiveram o prefeito Neto Guerriere, os representantes da Embasa que vieram de Salvador para este encontro os Srs. Sérgio Mendes,  Diomário Galo e o gerente local da Embasa Eliomar Amorim, o Secretário Mauro Borges do Meio Ambiente, e o procurador do município Dr. Eliomar Brito.

Sérgio Mendes mostrou ao prefeito um levantamento dos locais onde serão construídos os elevatórios, para que este tenham mais propulsão  de lançar por gravidade os dejetos humanos na usina de tratamento de dejetos, visando com isto a implantação do esgotamento sanitário em toda a cidade. O valor do cálculo oficial de todo o projeto será de R$ 147 milhões de reais. Serão 30 elevatórios e 1 estação de tratamento, que será construída na BR 367, bairro Dinah Borges há 6 km do centro da cidade, esta usina de tratamento tem a proporção de lançar nos córregos existentes, sem prejudicar as nascentes e sem poluição, água com 90% de água potável, o que não prejudicará  além dos córregos os rios locais, e sem prejudicar a reprodução da vida marinha.

Prefeito Neto recebendo e revisando planilhas da obra  /  fotos Pbarbosa
Prefeito Neto recebendo e revisando planilhas da obra / fotos Pbarbosa

A verba já está garantida pelo Ministério das Cidades, e o atraso foi devido a desapropriação dos terrenos e, os endereços dos mesmos, mas Neto disse a Sérgio que quando esteve em Salvador tratando do assunto, quando ele perguntou o que a prefeitura poderia fazer, foi-lhe dito que estava tudo sobre controle, mas ele reafirmou que se tivessem falado desta situação ele já teria resolvido tudo.

Neste momento chegou o ex vereador Jurandir Leite, que saiu a campo por toda a cidade, mostrando a localização são os lugares que  servirão para a implantação dos elevatórios. Como a reportagem do rota51.com, tem registrados casos semelhantes, foi perguntado a Sergio Mendes, como ficam as empresa que entram e ganham a licitação depois ficam sem pagar funcionários, aparece os movimentos de paralisação, que poderão causar problemas para a administração Neto Guerriere, pois todos vão falar que a Prefeitura não pagou a empreiteira, que a embasa também não pagou e, Sergio Mendes revelou que já existe um cadastro de empresas que agem de má fé e, estas no momento da licitação terão uma fiscalização mais aguçada para evitar o problema, pois o dinheiro é do Ministério das cidades e vem via CEF.

Sergio Mendes também afirmou que depois de todos os procedimentos prontos, o prazo de inicio e entrega das obras é de 24 meses, mas o que poderá demorar um pouco, são as empresa que não tem toda a infra estrutura para realizar uma obra deste porte, e possivelmente poderá haver um “pull” de empresas, e sempre tem, para o inicio e conclusão das obras.

Prefeito Neto Guerriere e a satisfação  de em seu governo realizar esta obra

O prefeito disse estar muito satisfeito,  muito feliz, pois muitos já tentaram e é o seu governo que irá proporcionar ao eunapolitano, uma cidade sem fossas, sem problemas, e que o esgotamento sanitário será para toda a cidade.

 

[nggallery id=535]

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui