Câmara Municipal faz mais uma sessão com plenário vazio e muito desrespeito ao povo.

1
348
Plenário da Câmara em dia de sessão  /  fotos Pbarbosa
Plenário da Câmara em dia de sessão / fotos Pbarbosa

Depois da chamada feita pelo 2ª Secretário Dr. João Lopes,  confirmando o “quórum”, foi aberta  a sessão, tendo o pastor e vereador Robson rocha feito a Oração do Dia e logo em seguida o Diretor Legislativo Milton Guerreiro, leu a ata da sessão anterior que foi colocada para votação e foi aprovada por todos os presentes. Depois de lida a Ordem do dia foi feito o intervalo regimental de 15 minutos.

No recomeço da sessão, como não houve inscritos no pequeno expediente, foi aberto o grande expediente com o vereador Zé Pelanca que falou pouco devido a sua garganta,  mas mesmo assim fez um, discurso sem muito conteúdo.

Depois veio o vereador Galego do Regional que entornou os baldes em elogios  ao prefeito Neto, pelo trabalho que tem feito na cidade, falou dos asfaltos que estão sendo colocados com mais qualidade. Galego continuando disse que o prefeito Neto
Guerriere é um gestor que tem respeito pelo público e está cumprindo todas as promessas de campanha, falou do esgotamento sanitário e das obras que ainda estão por vir.

Uma coisa que não tem sido dito, é que o prefeito Neto ao iniciar o seu governo, matou todos os coelhos com uma pedrada só; ao ir a Brasília, ao receber a noticia de que a cidade estava inadimplente, abriu logo um processo contra a administração do Robério e iniciou o trabalho prometido.

Lucas Leite, petista desde criancinha, fez uma indicação de colocação de CRAS itinerante para dois bairros da cidade, Juca rosa e Recanto das flores,  dizendo que a verba do Governo do Estado e do Governo Federal virá para isto, depois falou da feira de flores de Holambra, da União do Vegetal, falando que a renda será distribuída entre instituição espírita, APAE, e SOS  Vida. Mas também teceu todos os elogios ao Governo Federal dando conta de que a ONU em estudos realizados, viu que o Brasil saiu do mapa da fome com o programa “fome zero”, Bolsa Família dentre outros e que o Governo Federal fez muito bem ao Brasil, passando a navalha em outros governos, principalmente no Governo de Fernando Henrique, que vendeu inclusive a Vale do Rio Doce e no ano seguinte ela teve um lucro estrondoso.

Jota batista, líder do governo municipal, falou da incompetência administrativa que rondou Eunápolis nos últimos 26 anos de sua emancipação, mas que vê com bons olhos a Câmara Municipal elogiando Neto Guerriere pelo trabalho que vem fazendo na cidade. Jota Batista falou que não existe como antes o famoso toma lá da cá, mas sim uma parceria entre o legislativo e o executivo para a implementação das politicas públicas.

Tão logo Jota Batista  terminou o seu discurso, o Vereador Aderbal subiu à tribuna e fez um discurso totalmente ao contrário, falou dos erros petistas e que ainda não acredita no esgotamento sanitário,  mostrou vários erros administrativos e disse que o governo petista, foi o pior para a Bahia, Falou mal do bolsa familia, vale gás, educação péssima, falou que o bolsa familia virou moeda de troca, ou seja, falou de forma diferente, do que o povo anda falando, que o bolsa familia é uma compra de votos institucionalizada paga pelo povo. Aderbal falou do mensalão e do rombo da Petrobrás, dizendo que é uma vergonha para o País.

 

Aderbal falou do politico Domingos Dantas do Maranhão, amigo de Sarney que é amigo de Lula, e do desvio de 2 bilhões, falou do filho de Lula que trabalhava no zoológico de São Paulo e ganha uma ninharia pára limpar “cocô” elefante, e que hoje é um dos maiores empresários do País, o comentário foi para falar da corrupção implantada no País pelo PT, Lucas Leite e Galego do Regional pediram e ganharam um aparte, para contrapor os comentários de Aderbal, mas mesmo assim Aderbal continuou com sua língua ferina e criticas severas ao PT e, depois disse que como legislador acredita no esgotamento sanitário.

As indicações da Ordem do Dia, foram todas aprovadas, foram feitas 2 sessões extraordinárias para aprovação de projetos de lei e a sessão foi encerrada.

Da Redação:

Como sempre temos mostrado, o que está existindo na Câmara Municipal de Eunápolis e não precisa que alguns vereadores venham contestar, o que a reportagem escreve, pois escreve e mostra, na sessão desta 5ª feira 18/09, poucos vereadores estavam presentes, o horário da sessão é 08h30m, a sessão começou ás 09hs e mesmo assim faltavam muitos vereadores, isto é uma verdadeira falta de respeito para com o eleitor e o contribuinte que paga impostos e destes impostos, são pagos os salários dos vereadores.

Depois vão chegando uma a um, na votação da Ordem do Dia, eles aprovam sem saber o que estão aprovando, como já aconteceu um determinado vereador solicitou a inclusão de uma indicação e foi-lhe dito que tal pedido já havia sido aprovado e que ele, vereador solicitante, ajudou a aprovar a referida indicação. O plenário que o Vereador Zé Pelanca chama de “plateia” sempre vazio,  a reportagem do rota51.com fotografa o inicio e o fim da sessão e a diferença é muito pouca. Na sessão desta 5ª feira a sessão terminou com 24 pessoas, 4 assessores, e 4 integrantes da imprensa, depois da contagem chegaram mais algumas pessoas, mas no final não conta, fato que foi comentado por um “expectador da plateia”. As fotos falam e mostram a realidade de quem ganha 10 mil por mês, para rir da cara do povo.

Acessem este link e vejam esta matéria: http://www.rota51.com/home/?p=5851

 

[nggallery id=544]

 

1 COMENTÁRIO

  1. pra que serviu a câmara de vereadores de EUNÁPOLIS no passado? e no presente? e no futuro? a multidão presente nas sessões, responde as perguntas… qualquer dias desses, a sessão será cancelada devido ao silencio no auditório. individualmente, se salvam alguns, coletivamente, é uma desgraça. parece aquela historia da farsa bíblica sobre a torre de babel: cada um fala uma língua diferente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui