Eunápolis: Usuários do Centro POP realizam curso de Inclusão Digital

0
184
Inclusão digital Pronatec
Inclusão digital Pronatec

Há pouco mais de quatro meses, a Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Eunápolis vem realizando um maravilhoso trabalho de auxílio, recuperação e inclusão social das pessoas em situação de rua na cidade de Eunápolis. Com alimentação, oficinas, alfabetização, acompanhamento psicológico, entre outras diversas atividades, cerca de 50 usuários frequentam o Centro POP que funciona na Rua Afonso Pena, 185, no Centro da Cidade.

Entendendo a importância da inclusão digital no mundo atual, a Secretaria de Assistência Social disponibilizou na última semana mais uma atividade para os usuários do Centro Pop: o curso de Inclusão Digital. Uma iniciativa do Instituto Federal da Bahia – IFBA, apoiado pela Secretaria de Assistência Social, 34 pessoas em situação de rua cursam hoje aulas do Projeto de Extensão do IFBA “Inclusão Digital como caminho para Inclusão Social”, que terá duração de seis meses.

De acordo com a idealizadora do Projeto, professora do IFBA/Eunápolis, Mariana Fernandes, mais do que acesso, são necessários conhecimentos que garantam a iniciação efetiva dos usuários no ambiente digital. “Nosso intuito é que estes alunos utilizem esses conhecimentos como forma de produzir conhecimento, cultura, informação e formação, para que possam mostrar-se ativos quanto a sua consciência sobre as políticas públicas sociais, que hoje tanto lhes auxiliam”, disse a professora.

Para a Secretária de Assistência Social, Ciça Guerrieri, este é mais um importante passo para a inclusão social das pessoas em situação de rua. “Trabalhamos com a premissa de que a maior necessidade dessas pessoas é deixar a situação de rua, e para isso tratamos as dificuldades e vícios, alfabetizamos, profissionalizamos e auxiliamos na busca de moradia. Enquanto todo esse processo é realizado oferecemos a alimentação e a guarda de pertences, que apesar de ser a necessidade mais urgente, não é a mais importante que realizamos lá. Como em todos os nossos demais projetos e programas, desenvolvemos um ciclo de prosperidade e desenvolvimento social”, contou Ciça Guerrieri, orgulhosa dos resultados alcançados pelo Centro Pop em tão pouco tempo de funcionamento.

Por: SECOM-PME/ASCOM-SEMAS / Fotos: Antônio Varjão

 

[nggallery id=579]

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui