Veracel tem a seu favor a reintegração de posse do acampamento 2 de julho.

0
613
Momento em que vários barracos estavam sendo desocupados  /  fotos Pbarbosa
Momento em que vários barracos estavam sendo desocupados / fotos Pbarbosa

O acampamento 2 de julho fica depois do lixão na estrada do Alecrim e por 4 vezes já sofreu ordem de reintegração de possa em favor da Veracel Celulose, o ultimo deles foi no dia11/07/2013,  sendo que a ordem de reintegração de posse deste dia 18-08, foi assinado pelo MM Juiz Dr. Afrânio Sobrinho.

A reportagem do rotga51.com esteve no local e conversou com os oficiais de justiça que estavam cumprindo determinações do judiciário tendo como apoio integrantes da PM, sob comando do Cap. Tiago e integrantes da CIPE-MA  e CIPA-OS.

O trabalho dos homens da empresa terceirizada da Veracel foi tranquilo e, a reportagem do rota51.com conversou com as duas partes, do lado dos acampados, a coordenadora Lu, falou que este é um ato politico e que não havia recebido nenhum comunicado judicial dando conta da reintegração de posse, mas o mandado judicial estava nas mãos dos oficiais de justiça, e segundo a foto da barra, o mandado foi expedido desde 17/06/2014.

Segundo Lu adiantou quando esteve em Salvador não havia nada que determinasse a referida reintegração de posse e que estava tudo acertado, inclusive, foi alvo de uma matéria feita pelo rtota51.com, quando da visita do médico Dr. João Lopes que faz atendimento médico a todos so acampamento. Alguns acampados dissera que na última  6º feira, o IONCRA esteve no local e fez o cadastramento de todos os acampados e agora vem a determinação de devolução das terras para a Veracel Celulose que é a dona das terras invadidas.

Segundo informações existe um acordo entre a Veracel e o Governo do Estado, mas isto quando o acampamento tinha a bandeira da FETAG, e agora a bandeira é da FETRAF, e que esta mudança de bandeira é para driblar o acordo e todos  permanecerem no local, pois parece que o acordo entre as partes o referido acampamento seria em outro lugar.

Lu por outro lado disse que Pedro dos Anjos da FETRAF, estava no fórum para conversar com o Juiz Dr. Afrânio, mas é sabido que um juiz quando assina uma determinação, ele não pode revogar a sua própria decisão, e ao que tudo indica, esta reintegração de posse tem que feita por um desembargador na capital do Estado, onde já estão  Rosival Leite e  Jocélio Monteiro na Casa Militar conversando com o Cap. Sampaio, mas se há uma determinação judicial, a PM tem de estar no local até que tudo se resolva.

A reportagem do rota51.com, está atenta para qualquer mudança ou alteração de determinações que houver neste período, para informar oficialmente se a reintegração será levada a termo até o fim, ou se houve a revogação da mesma e tudo vai ficar do jeito que está.

O que lamenta é que dentre os adultos existem muitas crianças, algumas pessoas já colocaram suas mudanças em cima de caminhões e já foram para suas residencias na cidade, mas especialmente uma mãe de 5 filhos que tem uma filha especial e que não trem para onde ir, a D. Amélia e suas filhas, principalmente a Sara precisam de ajuda imediata para deixarem o acampamento, já que ali estão 120 famílias com um total de mais ou menos 450 pessoas.

 

[nggallery id=457]

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui