Motoqueiro bate em caçamba de entulho e vai pro HRE em estado grave.

0
883
Caçamba de entulho sem nenhuma proteção  /  fotos Pbarbosa
Caçamba de entulho sem nenhuma proteção / fotos Pbarbosa

Na delegacia anotando outras ocorrências, chegaram policiais militares com uma ocorrência de acidente entre uma moto e uma caçamba que recolhe entulho de uma construção na Av. Duque de Caxias em frente ao nº 1239.

a reportagem do rota51.com depois de fazer as anotações devidas e necessárias e, fotografar a moto, foi até o local fotografar a outra parte do acidente, e deparou com uma caçamba cheia de entulhos de uma construção deixada encontrada na rua, sem nenhuma proteção ou até mesmo uma sinalização de que, no local havia caçamba , já que em torno da caçamba poderia ter uma fita preta e amarela anunciando a existência da referida caçamba no local.

A reportagem bateu em uma porta e ouviu declarações de que o rapaz, “ que disse que vinha da rua dos Coqueiros e quando fez a curva para a conversão à esquerda, deparou com um carro e ao tentar desviar acabou chocando com a caçamba.

O irmão do rapaz que estava na delegacia vendo os estragos da moto, falou para reportagem que o estado do irmão era grave e que já estaria sendo submetido a uma intervenção cirúrgica, perguntado se a vítima Wellison Silva Rodrigues 23, que pilotava a moto Titan placa NYX 6534, preta, poderia perder a perna, ele disse não saber e nem espera que isto venha a acontecer, mas que houve fratura exposta e o caso era muito grave.

Como no HRE, ninguém presta nenhuma informação, a reportagem so reporta o que viu e ouviu, já passou da hora do Secretário de Saúde Dr. Mário Gontijo, determinar como existe em outros hospitais, uma assessoria de comunicação no HRE para que a imprensa posse ser melhor informada, já que a imprensa séria e que publica os avanços do município, poderia ter uma maior e melhor fonte de informações, o que seria uma forma de desmistificar as noticias maldosas e ruins implantadas por adversários do “Bom Trabalho”, par que a população fique sabendo do atendimento dois casos mais simples até os procedimentos mais graves e sérios.

 

[nggallery id=634]

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui