Projeto lápis na mão premia estudante eunapolitano

0
604
Projeto lápis na mão,  prêmio ao vencedor
Projeto lápis na mão, prêmio ao vencedor

Um lápis, um papel e muita história para contar. Assim pode ser definida a experiência do estudante do Ensino Fundamental do Colégio Adventista de Eunápolis, Paulo Marcelo Cunha da Silva, 13 anos, com a 5ª edição do Projeto Lápis na Mão. No último dia 22/10, no Auditório da Universidade Estadual de Santa (UESC), ele foi consagrado como 1º lugar no Concurso de Redação do Projeto Lápis na Mão, em sua categoria, e ainda teve o seu texto selecionado no Grand Prix de Redação, sendo considerado o melhor texto de todas as categorias. O Projeto Lápis na Mão é uma realização da TV Santa Cruz, em parceria com a Veracel Celulose e instituições públicas e privadas da região, e busca envolver professores, estudantes e comunidades do Sul e Extremo Sul da Bahia em atividades de incentivo à educação.

Com o tema “Cidade leitora, um sonho possível”, no período de agosto a setembro deste ano, o Projeto Lápis na Mão percorreu mais de 20 municípios do Sul e Extremo Sul da Bahia e mobilizou cerca de 22 mil alunos de escolas das redes públicas e privadas destas localidades e mais de 700 professores. Foram realizados dois concursos: um de desenho para alunos da Educação Infantil e Ensino Fundamental 1 e outro de redação para alunos do Ensino Fundamental 2, Ensino Médio e Educação para Jovens e Adultos (EJA). Além disso, as escolas também puderam se envolver no projeto participando do Concurso Escola Cidadã, que estimulou o desenvolvimento de estratégias de sensibilização e mobilização para o debate sobre o tema no ambiente escolar e fora dele.

propjeto de participação educacional
propjeto de participação educacional

De acordo com a coordenadora do Programa de Educação Ambiental da Veracel (PEAV), Virgínia Camargos, o Projeto Lápis na Mão está alinhado com os objetivos do PEAV, que busca na leitura uma fonte de reflexão para ações de preservação ambiental. “A Veracel acredita que a leitura é uma importante ferramenta de formação de cidadãos. É por meio dela, que as pessoas conseguem ampliar seu senso crítico e passam a entender ainda mais a importância da preservação do meio ambiente”, afirma a coordenadora.

Um bom exemplo disso é o próprio vencedor do concurso de redação, o estudante Paulo Marcelo Cunha da Silva. Além de ser premiado com uma televisão de LED e um notebook, ele afirma ter recebido um prêmio ainda maior. “Sempre gostei de ler e acredito que a leitura amplia a nossa capacidade de ver e entender o mundo. Mas vencer este concurso, trouxe uma motivação a mais em minha vida. Espero que assim como eu, outras pessoas participem destas atividades e entendam a importância da leitura na vida da gente”, afirma o estudante orgulhoso com o feito.

Nesta edição, os dez primeiros colocados de todas as categorias tiveram a oportunidade de conhecer as ações de conscientização ambiental na RPPN Estação Veracel. Além disso, os três primeiros colocados de cada categoria receberam dos organizadores premiações e certificados referentes à sua colocação.

Parceria amplia participação – Graças a uma parceria com a Veracel Celulose, desde 2013 o Projeto Lápis na Mão vem alcançando ainda mais estudantes no Sul e Extremo Sul da Bahia. Atualmente, são mais de 20 municípios que fazem parte das ações do projeto de estimular a criatividade e o desenvolvimento de diversos estudantes. Este ano, com o objetivo de despertar ainda mais o interesse pela leitura e conhecimento, foram promovidas ações de sensibilização e momentos de leituras de livros em praças públicas de municípios da região.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui