Professores de Guaratinga paralisam as aulas por falta de pagamentos.

0
310
Secretaria de Educação de Guaratinga

De acordo com informações de integrantes da APLB de Guaratinga, todos os recursos do FUNDEB, de janeiro a julho já chegaram para a educação de Guaratinga, mas os professores ainda não receberam seus salários e até o momento também não se sabe o destino que a prefeita Christiane Pinto deu ao dinheiro, que segundo se sabe é uma verba carimbada do Ministério da Educação e não pode ser usado parda outra finalidade.

Outro detalhe, será que o Ministério público já entrou nesta situação? Será que o MP já foi provocado?

Sede da APLB de Guaratinga

Desviar dinheiro da educação que é a manutenção dos professores, é o mesmo que tomar o pão de uma criança faminta, é uma falta de respeito e sensibilidade, mas as leis brasileiras permitem que verbas sejam desviadas, professores não recebam em, dia, tudo isto, por causa da indústria de liminares que, privilegiam os corruptos de agirem desta forma, informações dão conta de que a Secretária de educação, determinou a alguns diretores que não abram as escolas para a reunião de pais, alunos e professores.

Hoje quando se fala em candidatos, muitos dizem que o país, não precisa de uma outra “ditadura militar” no tempo dos militares os professores recebiam, mas hoje, o que estas atitudes demonstram que é uma verdadeira ditadura branca,  prefeitos e secretários de educação tirando o pão da boca de quem se esforça, para dar ao Brasil um futuro melhor que é a educação das crianças em todo país. Vejam comuinicado da APLB:

COMUNICADO (2)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui