Mutirão das cirurgias, uma enganação política de uma política muito moderna.

0
371

Enganação por que? Pois bem, o governo Rui Costa e seu antecessor, Jaques Wagner, ambos do PT, nunca realmente vieram a Eunápolis para saber do povo, o que Eunápolis estava precisando e, ambos foram bem votados aqui, quando Rui Costa apareceu, foi para ajudar o prefeito fraterno a mentir para o povo, reinaugurando centro o pediátrico do HRE que Neto construiu e inaugurou, Robério e Rui Costa apenas retiraram o painel com a foto de Dr. Darlan, e trocaram a placa na sala de recepção.

O esgotamento sanitário tão anunciado, incluindo os valores depositados na CEF, e contrato assinado pelo diretor da Embasa junto ao então prefeito Neto Guerrieri, também deu em nada. Mas agora com o caminhão das “cirurgias eletivas”, serviu apenas para desviar a atenção dos eunapolitanos, dos postos de saúde sem médicos e sem remédios, e depois de marcadas as cirurgias eletivas, os pacientes vão se submeter a estas cirurgias onde? Isto demonstra que desejando se reeleger e, o prefeito Robério Oliveira, afastado na operação fraternos, pelo desvios de verbas, na chamada “improbidade administrativa” não se pode falar o outro nome (?) para não denegrir a imagem do prefeito, que agora quer a todo custo eleger a sua filha fraterna Larissa Oliveira, para deputada estadual, pois se eleita deputada e advogada, vai lutar para abrandar as penalidades de seu pai, nas investigações da polícia federal em torno das falcatruas realizadas ao longo de anos, na prefeitura de Eunápolis. Com o slogan, Mais saúde menos fila, Agora vem, o caminhão das cirurgias eletivas, para enganar o povo, veja como funciona a coisa:

Mas outros agravos:

Atender em caminhão é tiro no pé.  Com 16 postos novos, regulação nova, equipe paga, médicos públicos e contratos com 3 hospitais privados, laboratórios e clínicas de imagem, Todos com tabela SUS, e trazer caminhão é perda de divisas, o dono não é daqui, Todos poderiam estar tirando nota fiscal e arrecadando

Uma pena, movimentando médicos que poderiam em qualquer problema intervir e cuidar por ter sido o autor da cirurgia

Uma pena, menos trabalho, menos dinheiro circulando, menos impostos, e o caminhão leva o que poderia ser feito aqui sem filas, e com tranquilidade. Não precisava dar para um deputado dono de caminhão com recurso pago com dinheiro do estado

Muita coisa acontecendo e poderia estar melhor. Mas parece não ser o foco.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui