Ramos Filho mostrou na tribuna da Câmara que não é vereador por acaso, e nem leva desaforo para casa.

3
527

Recentemente, um apresentador de rádio, fez sérias críticas ao vereador Ramos filho, mexeu com vespeiro, existem alguns ditados muito importantes; 1º quem tem telhado de vidro não joga pedras no telhado alheio; quem fala o que não deve, ouve o que não precisa; não se deve cutucar a onça com vara curta, a não ser que ela esteja dentro da jaula; quem deve a Deus pode pagar pro inimigo, e assim por diante.

“Será que é medo de Ramos Filho vir como candidato a prefeito em 2020, e poderá ser mais um candidato forte? já que é um empresário honesto e de sucesso, paga suas contas em dia, adversário forte, será eu é medo antecipado?

Na sessão da CME desta 5ª feira 08/11, o vereador Ramos Filho, subiu à tribuna, e fez seu desabafo, porque foi atingido em sua honra, principalmente quando a da sua família está em jogo, Ramos filho mostrou todos os erros de Paulo Dapé, falou de suas contas rejeitadas, dos cheques sem fundos, ou seja, colocou as vísceras do ex gestor para fora e disse que sua vida política pertence a ele, que ele é uma pessoa honrada, seu pai foi um homem honrado, que é um empresário que paga em dia suas contas e contribuições,  e mostrou que na realidade é assim: “Bateu, levou”, vejam na íntegra o discurso de Ramos Filho transmitido ao vivo com exclusividade pelo rota51.com, sendo que o vídeo depois de colocado nas redes sociais, viralizou e agora e, agora será que Paulo Dapé irá processar Ramos Filho? As denúncias são fortes e estão aqui no rota, tal como foi gravado:

COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. O ditado é certo: “A verdade existe, só as mentiras são inventadas.” Certíssimo o edil, expondo as falhas do ex-prefeito. Para este e outros que se dignarem a tomar uma dose de coragem, sugiro humildemente alguns temas para serem debatidos na tribuna. É uma ínfima contribuição minha, como cidadão e eleitor que ajuda a pagar o mísero e árduo salário dos vereadores, através dos meus impostos e taxas: Humanização do nosso heroico Hospital Regional; Precariedade no serviço dos sofridos agentes de saúde; Obras Paralisadas em toda a cidade; Saneamento básico do município; Ocupação indevida das calçadas; Revenda clandestina de gás de cozinha; UPAS inacabadas; Falta de remédios nos Postos de Saúde; Poluição sonora insuportável dia e noite; Fiscalização eficiente do trânsito; Sinalização de trânsito inexistente ou precária; Transporte escolar com ônibus velhos e sucateados; Abate e venda clandestina de carne suína e bovina na nossa cidade; Sucateamento e Aquartelamento da Guarda Municipal; Degradação dos córregos e reservas naturais de água; Construções irregulares de imóveis; Loteamentos sem infra-estrutura; Iluminação pública precária; Reforma das escolas públicas; Criação de módulos de polícia nos bairros; Fiscalização real das contas públicas; Fiscalização do nepotismo e desvios de conduta de gestores públicos; Limpeza pública exemplar e reciclagem profissional do lixo; Projetos de apoio à cultura e ao esporte; Revitalização de espaços públicos; Asfalto da estrada da colônia; Revitalização das nossas estradas vicinais; Reativação e aparelhamento do Centro de Zoonoses; Atuação eficiente da vigilância sanitária. Enfim, quando o trabalhador é bom, trabalho não falta.

  2. O serviço de radiodifusão, como é de conhecimento aberto é uma concessão pública, portanto, está sujeita a toda uma legislação para sua existência e funcionamento. No caso da rádio citada, me parece que é registrada como uma emissora não-comercial, tanto que não pode veicular comerciais, mas o chamado “apoio cultural” para custear seus gastos, inclusive com o salário do mencionado e polêmico radialista; O vereador está exercendo seu mandato por ter sido eleito democraticamente dentro de um processo legal, aprovado e fiscalizado. Temos duas figuras públicas, cada um exercendo seu papel na sociedade, um da tribuna outro no microfone, hasteando suas bandeiras, cada uma de cor diferente. Quando ambos se colocarem à disposição da bandeira do país, do Estado e do Município, grandiosas coisas farão. Até lá, assistiremos a troca de farpas entre eles, enquanto outras pessoas alheias aos reais anseios da sociedade ajudam somente a afiar o arame farpado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui