Câmara Municipal faz sua 1ª sessão ordinária de 2019 e de mesa renovada.

0
267

Nesta 5ª feira 07/02, a Câmara Municipal de Eunápolis CME, fez a sua 1ª sessão ordinária já com a nova mesa, tendo à frente o presidente Jorge Maécio, que já começou a implantar a sua nova filosofia de administração, dando a real e devida importância a imprensa, com a inauguração simbólica da “Sala da Imprensa”, situação imprescindível para todo setor público e que tem como propriedade, a transparência administrativa de um dos maiores poderes do país, o Legislativo.

Nesta sessão estiveram presentes, o Sr. Alécio Viann, representando o prefeito Robério Oliveira, Dr. Moises Damasceno coordenador da 23ª CORPIN, o secretário de agricultura Junior Bahia, a secretária de ação social a Dra. Margot Kunzendorff, representantes do Lions Club, o representantes da PRF e, mais uma vez presentes os representantes da OAB nas pessoas dos Drs. Wanderson Barros e Antônio de Oliveira, aliás a OAB, é a única entidade que durante o último ano e já neste ano de 2019, está sempre presente a todas as sessões, o que define que é também a única que pode elogiar ou criticar as atitudes da casa, por acompanhar de perto dos os trabalhos legislativos.

Mas no plenário, antes de iniciar a sessão, ele conclamou a todos, a fazerem uma oração e o Pai Nosso, deu início a sessão, a mesa foi formada por Jorge Maécio, Zé Miranda, Ubaldo Suzart, Xinha, e Daniel Mendes. Por outro lado, o presidente do legislativo Jorge Maécio, recebeu de forma protocolar, um projeto do executivo, que irá estar na Ordem do Dia da próxima sessão, que trata-se do aumento salarial dos professores.

Depois foi a vez da votação aberta para a formação das comissões que deverão gerir os diversos setores públicos de Eunápolis, tais como: Educação: Jurandir Leite, Ramos filho e Vavá da Farmácia; Contas, orçamento e Finanças:  Paulo Brasil, Gildair da Telha Sul e Carlos da Auto Escola; Saúde: Querubino, Arthur Dapé e Luizinho; Justiça e redação: Jota Batista, Aderbal e Dudú.

Na sequência, a presidência da casa, abriu os expedientes, mas somente o grande expediente foi usado, começando pelo vereador Jota Batista, que da tribuna, fez mais uma denúncia grave, quando o prefeito anunciou na imprensa que, tomaria da CEF R$ 100 milhões de reais como empréstimo, para o vereador esta declaração do prefeito Robério é uma afronta ao legislativo, já que em nenhum momento o prefeito, disse que sua intenção em tomar mais dinheiro emprestado passaria pela CME, para o vereador, este desejo do prefeito, jamais passaria pelo crivo do legislativo, o que para o vereador, é um desrespeito ao legislativo.

Para o vereador Jota Batista, o legislativo, é um parlamento que deve ser executado com satisfação, cumprimento das leis e qualidade administrativa, já que o Brasil passa por um momento administrativo com certa perturbação e, que tudo isto precisa ser feito com qualidade para que o país tenha dias melhores.

Outros vereadores como Zé Miranda, Daniel, Xinha e Jurandir Leite, falaram sobre as novas perspectiva de novos trabalhos, desejando a todos, que em mais este ciclo administrativo do legislativo, todos possam trabalhar com esmero, afinco e dedicação, ao contrário, Jurandir leite, fez uma crítica, quando áudios vazaram, dando conta que os professores foram duramente criticados, Jurandir, preferiu omitir o nome, mas foi plenamente solidário aos profissionais do ensino já que esta não é a 1ª vez, que o professores são achincalhados em público e, para finalizar, Jurandir Leite, disse que o HRE precisa mudar a direção, para que esta seja mais humana e trabalhe para o povo.

Depois foram feitas as votações para esta sessão, da Ordem do Dia e as matérias da pauta, com todas as indicações votadas e aprovadas, o presidente da CME deu a sessão por encerrada e convidou a todos, principalmente os integrantes da imprensa a conhecerem a sala de imprensa, onde todos poderão desenvolver seus trabalhos, relativos às sessões da Câmara Municipal.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui