Faixas de pedestres, é a lei que não é cumprida, ou o prefeito não está aplicando bem a “grana” da Zona Azul.

0
447

Na manhã desta 3ª feira, 26/01, foi feita a prestação de contas do município, na CME, Câmara Municipal de Vereadores, e como foi prometida à reportagem do rota51.com, na prestação anterior pelo secretário Luiz Otávio, a grana que a SINART, empresa que administra a zona azul, e que paga a prefeitura, através da secretaria de arrecadação, não estava discriminada como tal, e é como deveria estar, não só a grana da zona azul, como também a grana das multas aplicadas na cidade pela Guarnição municipal de trânsito.

A grana da zona azul, teria de ser depositada em uma conta específica e utilizada na sinalização da cidade, ou seja, na sinalização horizontal, semáforos e pinturas de quebra-molas, embora a cidade tenha poucos quebra-molas, tem mais monturo que quebra molas, pois quebra-molas, tem que ser com as medidas do CONTRAN e, não do jeito que fazem na cidade, cada um pede do jeito que quer.

A reportagem do rota51.com saiu às ruas e, fotografou as principais faixas de pedestres, todas elas apagadas, o que dificulta a passagem dos pedestres e a identificação por parte de motoristas e pilotos, a reportagem flagrou inclusive um carro em cima da faixa de pedestres, o que indica a falta de respeito para com os pedestres e o descumprimento da lei, mas uma coisa a reportagem do rota51.com fez questão de registrar, quem pintou não se sabe, mas as demarcações da zona azul, estão todas pintadas, coloridas, e bem visíveis, é proteção demais ou o pedestre perdeu a importância, e tem mais, o Estatuto do Idoso mostra claramente um verdadeiro desrespeito á lei.

Mas como a grana da zona azul, que deveria servir para manter a sinalização horizontal e vertical em dia e funcionando, é agora é um caso para o Ministério Público investigar; “para onde está indo a grana da zona azul”, desta e das anteriores.

Depois acham ruim quando o rota51 mostra irregularidades; cometem erros, desrespeitam as leis e depois ainda querem brigar, o conselho é: “façam a coisa certa, usem o dinheiro do povo para o bem do próprio povo” aí sim, ninguém vai falar nada, de outra forma, é ver, ler, ouvir e fazer tudo certo, fica muito melhor assim.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui