2º Festival de Aves de Porto Seguro: lazer e informação para a conservação do meio ambiente

0
900

Observação de aves e palestras fazem parte da programação do evento, que acontece de 30 de maio a 1º de junho

Nas áreas conservadas do Sul da Bahia, existem centenas de espécies de aves, algumas delas até mesmo ameaçadas de extinção, como o urutau-de-asa-branca, o chauá e o anambé-de-asa-branca. O festival tem o objetivo de sensibilizar sobre a importância da conservação da natureza, usando as aves livres como principal atrativo. “É uma forma lúdica de envolver a população local e os turistas que visitam a região para que eles também se tornem defensores dessa causa”, explica Priscilla Sales, coordenadora do evento e analista ambiental da Veracel.

O Festival acontece de 30 de maio a 1º de junho na Cidade Histórica de Porto Seguro. O evento é gratuito e contará com atividades de educação ambiental como oficinas, contação de histórias, jogos e exposição de fotografias. Também serão realizadas palestras sobre “Prejuízos da caça ilegal de animais silvestres” e “Análise da biodiversidade de avifauna na região de Porto Seguro”. Ainda como parte da programação, tem a Observação de Aves, atividade desenvolvida há mais de dois anos na região que já atraiu mais de 700 pessoas de diversos países para a RPPN Estação Veracel.

O 2º Festival de Aves é uma realização da RPPN Estação Veracel, Parque Nacional do Pau Brasil, Refúgio de Vida Silvestres do Rio dos Frades, RPPN Rio do Brasil e da Universidade Federal do Sul da Bahia. O evento também conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Porto Seguro, do Shalimar Praia Hotel, da Associação Despertar Trancoso, Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, IBAMA/CETAS, Vitrine Mídia e o Grupo A.R. Hotéis e Receptivo.

RPPN Estação Veracel: Com 20 anos de existência, a Reserva Particular do Patrimônio Natural (RRPN) Estação Veracel, localizada no Sul da Bahia, possui mais de 6 mil hectares que se estendem pelos municípios de Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália. O local abriga importantes pesquisas sobre a Mata Atlântica e desenvolve programas de educação ambiental e observação de aves.

Em 1998, a Estação Veracel foi reconhecida pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) como RPPN e é também reconhecida como sítio do patrimônio mundial natural da humanidade pela UNESCO. Em abril, o local se tornou um centro de pesquisa e difusão científica com a implantação do Observatório de Aves – RPPN Estação Veracel.

Crejoá – Priscilla Sales

Confira abaixo a programação completa:

 DIA 30/05, QUINTA-FEIRA

 ATIVIDADES AO AR LIVRE

Das 9 às 16h

– Contação de história no ônibus com Fada Dália

– Oficina de máscara de papel

– Oficina de pintura

– Jogos – pique-aves, corvos e corujas, presa e predador

– Jogos de mesa com o tema aves

– Exposição de fotografias

 OBSERVAÇÃO DE AVES LIVRES

Às 9h e às 15h

 ATIVIDADES NO MUSEU

– 9h30 –  Abertura oficial

– 10h – Palestras:

– “Impactos sociais da observação de aves”, com Daniel Cywinski – Surukua Consultoria Socioambiental/Coordenador do Festival de Aves de Paraty

– “Observação como ferramenta para desenvolvimento econômico e ambiental”, com Guto Carvalho – Avistar Brasil

– 13h – Palestra: “A importância dos Centros de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) para a proteção do meio ambiente”, com Cid Teixeira – IBAMA/CETAS

– 14h – Palestra: “Roda de Conversa com observadores de aves de Porto Seguro”, com Marcelino Dias – consultor ambiental e Jailson Souza – RPPN Estação Veracel.

DIA 31/05, SEXTA-FEIRA

ATIVIDADES AO AR LIVRE

Das 9 às 16h

 – Contação de história no ônibus com Fada Dália

– Oficina de máscara de papel

– Oficina de pintura

– Jogos – pique-aves, corvos e corujas, presa e predador

– Jogos de mesa com o tema aves

– Exposição de fotografias

OBSERVAÇÃO DE AVES LIVRES

Beija flor balança rabo canela – Jailson Souza

Às 9h e às 15h

ATIVIDADES NO MUSEU

– 9h – Palestra: “Prejuízos da caça ilegal de animais silvestres”, com Cid Teixeira – IBAMA/CETAS

– 10h – Palestra “Como a observação de aves abriu portas para o meu futuro”, com Gabriel Bonfa – estudante de Ciências Biológicas na Faculdade Pitágoras/voluntário do Projeto Harpia

– 11h – Palestra “Análise da biodiversidade de avifauna de um sistema agroflorestal na região de Porto Seguro – BA”, com Erica Bruna – estudante de Ciências Biológicas na UFSB

– 13h – Palestra “Observação de aves, educação ambiental e construção do conhecimento científico”, com Daniel Cywinski -Surukua Consultoria Socioambiental/Coordenador do Festival de Aves de Paraty

– 14h – Mini-curso “Introdução à observação de aves”, com Luciano Lima – Observatório de Aves – RPPN Estação Veracel

DIA 1º/06, SÁBADO

ATIVIDADES AO AR LIVRE

Das 13 às 16h

– Contação de história no ônibus com Fada Dália

– Oficina de máscara de papel

– Oficina de pintura

– Jogos – pique-aves, corvos e corujas, presa e predador

– Jogos de mesa com o tema aves

– Exposição de fotografias

OBSERVAÇÃO DE AVES LIVRES

anambé de asa branca – Jailson Souza

Às 15h

ATIVIDADES NA TENDA PRINCIPAL

13h – Roda de Conversa com jovens observadores de aves, com a participação de Gabriel Bonfa  – estudante de Ciências Biológicas na Faculdade Pitágoras/voluntário do Projeto Harpia e Maicon Santos – Associação Despertar Trancoso

14h – Palestra “Como estudamos as aves e o que elas nos ensinam”, com (Luciano Lima – Observatório de Aves – RPPN Estação Veracel

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui