A sessão da câmara de vereadores hoje, 17/10, foi rápida, e com discursos moderados.

0
386

Em primeiro lugar salienta-se que a sessão desta 5ª feira 17/10, foi realizada no antigo auditório da Câmara, já que o auditório maior, ou seja o principal, está sendo totalmente remodelado e, que será reinaugurado em novembro, quando da entrega dos títulos de cidadania e com o mobiliário totalmente novo, o que irá contradizer a algumas pessoas que buscaram atingir o presidente da casa, como se os móveis fosse para seu escritório, na realidade, a modernização do legislativo, abrigará tanto os atuais vereadores, como os futuros que virão, após as eleições de 2020.

Milton Guerreiro, diretor Legislativo da CME lendo a ata da sessão anterior que foi aprovada,.

Após o ritual de todas as sessões, não houve o pequeno expediente e, no grande expediente, falou o vereador Jota Batista, que mais uma vez, falou sobre a liminar que foi aceita em todas as instâncias tramitadas até agora, o que não deixa dúvidas quanto a ilegitimidade da cobrança, que mais uma vez iria prejudicar cada vez mais o empresário da cidade, já que está não é a forma correta de arregimentar dividendos para o município. Jota Batista, citou uma das vítimas da imposição do prefeito Robério, que ao perder na justiça a ação, deu um jeito de arrumar um culpado, Marcos Braga da tributação, ainda não se sabe o desti9nio de Marcos Braga, o que se sabe, é que o prefeito deu um tiro na canela, em relação a um dos maquis competentes servidores, do município. O rota51.com vai esperar o destino do tributarista, para se manifestar sobre o assunto.

Depois foi a vez do vereador Arthur Dapé que elogiou a postura jurídica do vereador Jota Batista em relação ao processo por este, impetrado, mas depois voltou a denunciar algo mais grave, que é o problema das ambulâncias do SAMU, que num total de 06 ambulâncias, apenas uma delas está em atividade. Arthur Dapé, disse que o governo do estado todo mês, envia para os cofres municipais, a quantia de R$ 177 mil reais, exatamente para a manutenção das ambulâncias, e que já protocolou estas denúncias tanto no Ministério Público
Estadual, quanto no Federal, a resposta do mau uso do dinheiro, será dado na justiça, segundo o vereador.

O vereador Jurandir Leite, outro que usou a tribuna, em um tom mais moderado, também se solidarizou com o vereador Jota batista, pela postura jurídica tomada em favor da sociedade, quando da liminar impetrada contra a taxa, ou tributação que o prefeito implantou na cidade por decreto lei e, que até o momento a justiça optou por julgar a cobrança improcedente e deliberou a favor da sociedade empresarial.

Por outro lado, o vereador Jurandir leite, ao elogiar o comportamento do vereador Jota batista, em vídeo fala sobre o assunto. Assistam o vídeo:

Depois houve apenas uma votação, que foi aprovada por unanimidade. Nova sessão do legislativo será na próxima 5ª feira, 24/10, às 08h 30m, na câmara municipal, à av Artulino Ribeiro bairro Dinah Borges.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui