Câmara faz 3 sessões, para aprovar projeto e Jota Batista teve a emenda rejeitada.

0
310

Na sessão desta 5ª feira 05/09, a sessão foi muito discutida, diante dos projetos, indicações e principalmente pela emenda que o vereador Jota Batista, interpôs no projeto de lei do executivo em relação ao pagamento da insalubridade dos agentes de saúde, estes já recebiam em cima dos salário mínimo de R$ 950 reais, porém uma lei federal impunha que a insalubridade fosse paga sobre o mínimo dos agentes que é de R$ 1250 reais, e um projeto de lei foi elaborado para ser votado nesta sessão, porém o vereador Jota Batista, disse que viu neste projeto, uma “pegadinha” do prefeito e resolveu colocar uma emenda, adicionando ao projeto o seguinte: “mesmo que a prefeitura ceda os EPI’s, o valor da insalubridade seja pago. Jota Batista disse que este projeto do executivo é além de pegadinha é malicioso.

Em seu discurso no pequeno expediente, Jota Batista defendeu a sua emenda e, reiterou no grande expediente, a necessidade da aprovação de sua emenda. Jota Batista disse que o sindicato das agentes de saúde e endemias, só conversa com o prefeito, dando as costas para a oposição, embora a oposição sempre tem lutado para defender a categoria.

Porém o vereador Paulo Brasil, porta voz do prefeito Robério, pediu aos colegas que rejeitassem a emenda, pois o que foi pedido já estava contemplado no novo projeto enviado ao legislativo pelo prefeito. Mas Jota Batista havia dito que o referido projeto chegou tarde na CME, e que antevendo a situação o prefeito mudou o projeto e em uma reunião entre os agentes de saúde, a sua direção e o advogado do sindicato, uma outra emenda do vereador Arthur Dapé, foi retirada pelo fato de a mesma ter sido contemplada no novo projeto, as de Jota Batista permaneceu inalterada e foi pra votação, mas foi rejeitada por 8 votos contra, 4 a favor e 1 abstenção, mas de acordo com Jota batista, este projeto foi mais uma pegadinha do prefeito.

Em seu discurso, Paulo Brasil, deu uma beliscada nas contas de 2016, pertencentes ao ex prefeito Neto Guerrieri, mas falou que as contas deveriam ter sido colocadas para discussão e posteriormente em votação, como quisesse dizer que era para os demais vereadores mais uma vez “rejeitassem” as contas de Neto, como fizeram na outra conta, que obrigatoriamente tem que passar pelo crivo da conta, porém quando Paulo Brasil, briga pela reprovação das contas de Neto, ele se esquece que as contas de Robério, estão mais sujas do que nunca, pois, Robério, responde por duas operações da polícia federal, porém o presidente da CME, recebeu um oficio, dando conta de que as contas de Neto, retornaram para o TCM, para uma nova reavaliação, pois a rejeição pode ser revertida, já que Neto não recebeu a comunicação em tempo previsto por lei, o mesmo fato já aconteceu com Robério, quando a presidência da mesa estava nas mãos do vereador Vasco Queiros, as contas retornaram a Salvador, foram reavaliadas e aprovadas, além de defender, Paulo Brasil, precisa tirar do caminho de Robério Oliveira, tudo que pode prejudica-lo, já que o retorno de Neto Guerrieri a política e possivelmente à prefeitura, muita coisa pode mudar, e como porta voz do prefeito, Paulo Brasil precisa manter a sua posição de vereador, Robério precisa pelos processos que ele carrega nas costas e Paulo Brasil, para manter o poder de vereador, não fosse assim ele daria encerrada a sua carreira de vereador , pelo menos em 2020.

Falaram Jota Batista, Arthur Dapé e Jurandir Leite, todos defendendo a emenda e, em aparte o vereador Ramos Filho, disse que todas as sessões, deveriam ser como a de hoje, pois foi muito discutida e, todas as discussões foram em favor do povo. Todos os projetos foram aprovados na primeira sessão ordinária e nas duas sessões extraordinárias, nesta edição, a descrição completa do que foi votado e aprovado na Ordem do Dia. Arthur Dapé, falou sobre o HRE, a deficiência do mesmo diante da saúde de Eunápolis e salientou, onde estão os 90 milhões da saúde, com um serviço deplorável como o de Eunápolis.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui