É FOGO NO BONÉ DO GUARDA.

0
352

Diárias parlamentares, uma necessidade ou gastos do dinheiro do povo

Parte da imprensa tem comentando sobre gastos do vereador Gildair da telha Sul, como sendo o vereador que mais gastou com diárias legislativas em 2019, para suas viagens, é uma denúncia que não chega a pesar tanto, pois é constitucional, igual a autoridades judiciárias e outras.

O problema não é pedir diárias e gastar, o TCM claro, tem que estudar e colocar no papel, quem gastou e, quanto gastou, mas dentro desta situação, o que precisa ser feito, é a comprovação do que foi feito; gastou onde, com o que, esteve com quem, onde? E se estas viagens trouxeram algum benefício para o município, ou se foi uma fraude, para tratar de assunto embora parlamentares, porem particulares como por exemplo: “o vereador pediu diárias para ir a Brasília e Salvador, mas é preciso que prove que ele foi em buscar de benefícios, projetos e emendas parlamentares para Eunápolis, e não para buscar apoio parlamentar para sua reeleição”, aí sim, já é demais, vereador viajar com o dinheiro do povo, para bancar a sua próxima campanha. Este filme já foi exibido neste cinema, mas o povo, sempre quer a reprise, é por isto que não adiante denunciar, o povo reclama, mas sempre elege a mesma inconsequência.

A cidade está cheia de quebra-molas, mas quem paga os prejuízos.A cidade a cada dia que passa, está enchendo de quebra-molas, e o pior, muitos sem sinalização, pois quando colocam uma placa esta é pequena, mas o que deve ser feito é a pintura dos quebra-molas, mas ninguém faz, qualquer um pede um quebre molas onde melhor lhe interessa, por outro lado, os quebra-molas sempre são feitos sem nenhuma ordenação, e nem de acordo com as normas da ABNT ou do CONTRAN, o que tem que ser feito é, quebra-molas dentro do padrão, pintado, para que carros não batam e quebrem os acessórios, pois é muito comum ver carros com o fundo arrebentado, por causa dos quebra-molas, mas ainda existe um outro detalhe, por exemplo: uma igreja, pede um quebra-molas, então a referida igreja, deveria ajudar não o município, mas os donos de carros e mandarem pintar as faixas amarelas, pois os motoristas mandam arrumar os carros e depois quebram tudo, os quebra-molas são feitos e sem sinalização, quando é visto, a batida já foi.

Matrículas nas escolas nas escolas estaduais, um descaso do governo.

Não se pode dizer que este é o “jeito petista de governar”, mas pode se dizer que é a irresponsabilidade de governar. Existem 3 coisas que o Brasil nunca consertou: “saúde, educação e segurança”, em épocas de eleição, os candidatos a governadores, sempre fazem suas campanhas em cima disto, e o povo acredita, o que está sendo visto pelos noticiários televisivos da Bahia, são pais morando nas filas, durante toda a madrugada para conseguir matricular seus filhos, as desculpas são as mais variadas, na manhã desta 4ª feira, o rota51 resolver sair às ruas para ver se a coisa já tinha sido resolvida, e não está, no colégio Pro Jairo, antigo Monte pascoal, ainda existiam pessoas nas filas, a espera de uma vaga para matricular seus filho, o que é um absurdo, a direção escola, já sabe quantas vagas tem, para cada série e depois ficam espremendo limão pra ver se sai suco de abacaxi. A secretaria Estadual de Educação, recebe as informações das secretarias do interior e, mesmo assim, não toma uma providencia, mesmo sabendo que tem o ano inteiro para resolver problemas, o atual governador é do PT, que diz que prima pelo seu estado, ele faz alguma coisa, para onde ele quer, o resto é que se “exploda”, agora vem um coronel, que poderá ser candidato ao governo do estado, não precisa de uma patente tão alta assim, o que falta não é patente, mas sim competência de quem está lá, não adianta perguntar como a tartaruga chegou  no alto da árvore, é preciso saber quem a colocou lá; “o povo”, o povo não aprende mesmo.

E o 190, um capricho político de quem não gosta de Eunápolis, e ainda tem quem defende.

Com o um jornal voltado para as necessidades de Eunápolis, o rota51.com, é o único jornal eletrônico que bate na mesma tecla, “levaram o 190 para Porto Seguro, para satisfazer uma incompetência política”, é claro que Porto Seguro tem mais distritos, mas então porque não criaram por lá um 190? A reportagem do rota51.com fala com propriedade, pois antigamente tinha o 190 por aqui, e uma funerária, dentro de um cronograma de serviço, fazia o serviço de remoção das vítimas para o IML, a perícia era de Eunápolis, aí centralizaram o DPT em Porto Seguro, teve vez que um corpo ficara até 3 horas e meia, no chão, a espera que o DPT viesse de Porto Seguro. Até o IML tinha ido pra lá, mas para o transporte de corpos para as autópsias em Porto Custavam caro, então o prefeito Robério adequou e o IML voltou parta Eunápolis, mas o DPT e o 190 foram para lá, e ninguém fala nada, o rota51.com, agora briga, não só pelo 190, mas pelo DPT também, é para mostrar para algumas pessoas, que Eunápolis está perdida sem representatividade, tanto no legislativo municipal quanto no estadual, mas os votos todos querem na hora certa, e na hora certa o povo deveria dar a resposta, mas não dá.

 

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui