Representantes de associações recebem abelhas rainha para iniciar ou melhorar seus apiários

0
1139
Representantes da Veracel Celulose, fazendo  a entrega simbólica das rainhas,  aos presidentes de associações.
Representantes da Veracel Celulose, fazendo a entrega simbólica das rainhas, aos presidentes de associações.

Foi uma ação conjunta entre a Veracel e a CEPLAC, que cuja iniciativa, irá proporcionar a muitos produtores rurais a terem mais uma opção de trabalho gerando mais empregos e renda.

A Bahia hoje é uma referência nacional na produção de mel e praticamente 80% dele é exportado, como a Veracel tem uma grande extensão de terras com um abundante plantio de eucalipto, e como todos sabem, é um mel de primeiríssima qualidade, a Veracel e a CEPLAC que até o momento só cuidava do cacau e, chegou a cogitar o fechamento do escritório do órgão na cidade, hoje parece estar revitalizando suas atividades e, através  dos produtores de mel descobre-se aí uma atividade a mais para a empresa.

Ari Medeiros falando pela Veracel Celulose
Ari Medeiros falando pela Veracel Celulose

Na tarde desta 3ª feira, 16/07, a Veracel celulose que sempre tem dado ao homem do campo uma nota forma de trabalhar e ganhar dinheiro, junto com a CEPLAC, fizeram a entrega de abelhas rainha, a presidentes de 3 associações de produtores de mel, Eunápolis, Itabela e Guaratinga.

Primeiro foi feita uma palestra pelo Prof Ediney, que falou tudo sobre as abelhas, como conduzir o apiário, o manejo e o que deve ser feito para conservação das abelhas e suas rainhas.

Jose Marque falando sobre a CEPLAC, do cacau ao mel de abelhas
Jose Marque falando sobre a CEPLAC, do cacau ao mel de abelhas

Débora Jorge a mestre de cerimônias do evento, chamou Ari Medeiros, um dos diretores de núcleo da Veracel, para falar em nome da empresa, e ele disse estar muito satisfeito, pois quando uma empresa, cresce 5% todos ficam muito orgulhosos do feito, mas a produção de mel cresceu muito mais que isto e, isto, permite inovar, facilitar, ajudar e até mesmo incentivar mais produtores rurais, no trato com as abelhas e a produção de mel.

Débora Jorge,  mestre de cerimônias do evento.
Débora Jorge, mestre de cerimônias do evento.

Depois foi a vez José Marques Pereira chefe de serviços de pesquisa da CEPLAC, que disse, que antes a CEPLAC, só cuidava do cacau, que hoje muitos produtores já estão produzindo o seu próprio chocolate, mas o mel trem sido uma nova forma de vencer obstáculos no setor agrícola.

Presidente de associação e sua rainha
Presidente de associação e sua rainha

Depois do discurso de José Marque, Débora Jorge, encerrou o evento e convidou a todos para um coquetel, para que todos pudessem interagir sobre o assunto.

 

 

 

FOTOS: rota51.com

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui