SANTA CRUZ CABRÁLIA: Polícia Civil apreende arma de fogo em casa de adolescente que ameaçava fazer massacre em faculdade de Eunápolis.

0
661

DA REDAÇÃO:

Infelizmente, independente de determinadas situações, fatos acontecem, devido a alta propaganda acontecida  depois de fatos marcantes em todo mundo, nos Estados Unidos, mais recentemente nas mesquitas na Nova Zelândia, na região de Christchurch, mas duas coisas diferenciam do Brasil, primeiro: a notícia foi dada sem muita ênfase, e depois o atirador não teve tanta propaganda em torno dele, já no Brasil foi diferente, com relação à escola de Suzano, foi propaganda demais, investigação demais, detalhamento demais, jovens foram colocados para fazerem protestos, e isto, acaba incentivado, porque, quem faz isto, quer ser um herói e isto acaba incentivando outras ideias. Porém, uma coisa que deixa certa dúvida, é a falta de segurança nas escolas e faculdades, não é o segurança que se coloca no lugar de “dono” pra dar ordens, é para identificar quem é e quem não é estudante, quem pode estar armado, identificar cada desconhecido, não basta contratar homens de roupa preta e dizer que são seguranças, o fato a ser publicado agora, enviado pela 23ª CORPIM, poderia ter tido  um desfecho trágico, se a Polícia Civil não tivesse descoberto antes.

DA 23ª CORPIN.

Na manhã de hoje, 22/03, equipes da Polícia Civil de Eunápolis e Santa Cruz Cabrália apreenderam um revólver calibre 38 na casa de uma adolescente de 17 anos, aluno do primeiro semestre de uma Faculdade de Direito de Eunápolis em face de postagens em redes sociais em tom ameaçador a colegas.

Em uma das postagens, o adolescente chegou a dizer: “Quem mata é Deus, eu só atiro”. Em outro momento, declara: “Já falei, só não ficar perto de quem vai ser alvejado kkkk”.

Em sua página do Facebook observam-se pouquíssimas postagens, com destaque para seu perfil com a Bandeira do Brasil tremulada ao fundo e a mensagem “Os fins justificam os meios”, inscrita logo abaixo de seu nome.

Já em seu story de ontem, sobre um fundo com peças de roupas escuras e uma luneta, o adolescente postou: “Preparatório para”.  “Amanhã será um grande dia”.

A busca foi autorizada judicialmente ontem à noite pela Juíza de Direito, Drª Michelle Menezes Quadros  Patrício, Titular da 2ª Vara Crime da Comarca de Porto Seguro, responsável pelo Plantão Judiciário de ontem.

O adolescente reside em Santa Cruz Cabrália em uma casa de alto padrão; toma remédio controlado para depressão e é filho de uma professora e de um Delegado de Polícia aposentado do Amazonas (falecido). Ele alega que tudo não se passava de uma brincadeira.

Computadores e celulares de uso do adolescente passarão por análise e perícia técnica.

As investigações ficarão a cargo da Delegacia Territorial de Santa Cruz Cabrália.

A Polícia Civil alerta que já estão circulando na cidade e região vários tipos de ameaças do tipo e orienta que evitem “brincadeiras” da espécie, pois ações policiais serão adotadas em face daqueles que assim procederem.

Fonte: 23ª COORPIN/Eunápolis

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui